Sexta-feira, 14 de Setembro de 2007

A minha morte

As lagrimas caem-me como se não pedissem autorização para o fazer, tudo cá dentro queima, o corpo desfalece e o meu coração quase que não bate...teima mesmo em parar.

Tudo está triste e negro à minha volta e se querem saber, eu já não me importo.

Não vou falar mais, não vou pedir ajuda, cansei...de tudo, de mim...

Não vou olhar mais, não vou ver mais nada, vou ficar aqui sozinha sentada na minha cama à espera que a morte chegue...a minha morte interior.

Ela irá chegar, eu sei, trazida por ti meu anjo negro, meu anjo libertador.

 

 memories

I'm feeling:
Music: "Um gesto que é meu"
tags:
publicado por fofinhatuga às 21:14
link do post | favorito
De sensei a 15 de Setembro de 2007 às 09:18
Sera qeu ficar a espera da morte é a solução?
Nós passamos a vida a tentar fugir da morte, é a nossa corrida. Não sei ser devas ficar na tua cama sentada a espera dela.

beijinhos
Comentar:
De
  (moderado)
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Este Blog tem comentários moderados

(moderado)
Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 


pesquisar

 

Junho 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

Novidades

...

Deixem-me em paz...

Pensamento in "Óscar e a ...

Relacionamento...definiçã...

Seduz-me

Amor

Irrealidades

Tempo

Laços

Escondo-me

Lembranças

Junho 2013

Março 2011

Janeiro 2011

Junho 2010

Maio 2010

Março 2010

Novembro 2009

Outubro 2009

Agosto 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

tags

todas as tags

links

blogs SAPO

subscrever feeds